terça-feira, 31 de outubro de 2017

segunda-feira, 30 de outubro de 2017

Uma boa idéia:

Papel de parede que é um mural de paisagem (norueguês). Eu amei!


domingo, 29 de outubro de 2017

Casa Arrumada

Casa arrumada é assim:
Um lugar organizado, limpo, com espaço livre pra circulação e uma boa entrada de luz.
Mas casa, pra mim, tem que ser casa e não um centro cirúrgico, um cenário de novela.
Tem gente que gasta muito tempo limpando, esterilizando, ajeitando os móveis, 
afofando as almofadas...
Não, eu prefiro viver numa casa onde eu bato o olho e percebo logo: Aqui tem vida...
Casa com vida, pra mim, é aquela em que os livros saem das prateleiras e 
os enfeites brincam de trocar de lugar.
Casa com vida tem fogão gasto pelo uso, pelo abuso das refeições fartas, 
que chamam todo mundo pra mesa da cozinha.
Sofá sem mancha?
Tapete sem fio puxado?
Mesa sem marca de copo?
Tá na cara que é casa sem festa.
E se o piso não tem arranhão, é porque ali ninguém dança.
Casa com vida, pra mim, tem banheiro com vapor perfumado no meio da tarde.
Tem gaveta de entulho, daquelas que a gente guarda barbante,
passaporte e vela de aniversário, tudo junto...
Casa com vida é aquela em que a gente entra e se sente bem-vinda.
A que está sempre pronta pros amigos, filhos...
Netos, pros vizinhos...
E nos quartos, se possível, tem lençóis revirados por gente que brinca ou namora a qualquer hora do dia. Casa com vida é aquela que a gente arruma pra ficar com a cara da gente.
Arrume a sua casa todos os dias...
Mas arrume de um jeito que lhe sobre tempo pra viver nela...
E reconhecer nela o seu lugar.


(Existem controvérsias a respeito da autoria deste poema , uns dizem ser do Carlos Drummond de Andrade, e outros de Mario Sergio Cortella)

sábado, 28 de outubro de 2017

ARQUITETANDO COM THELMA: Banco na Bancada!

Uma bancada para se servir na cozinha ou cozinha integrada.
Prático e atual, dá aconchego para casa. Ai vem a dúvida de Alexandrina Holt, que só quer usar bancos (comigo também foi assim), tem para todos os bolsos e gostos, em madeira, alumínio, acolchoado, em ferro, pintado, regulável, giratório e etc... O bolso é o limite. Inspire-se!

























sexta-feira, 27 de outubro de 2017

CASA COR BAHIA 2017

Está aberta a mostra anual da CASA COR BAHIA 2017. Conheçam alguns dos trabalhos: 




















quinta-feira, 26 de outubro de 2017

Varanda Pequena e acolhedora!

Varanda  pequena, um belo de um jardim, basta ter criatividade! Veja algumas dicas,  depois é só curtir o ambiente: 









quarta-feira, 25 de outubro de 2017

Quatro universidades brasileiras entre as dez melhores da América Latina


Quatro universidades brasileiras entre as dez melhores da América Latina, Unicamp. Image © Reprodução EPTV
Em um recente levantamento realizado pela companhia britânica Quacquarelli Symonds, especializada em educação e pesquisa, quatro universidades brasileiras figuram entre as dez melhores da América Latina. A instituição que lidera a lista é a Pontifícia Universidade Católica do Chile.
Entre as instituições brasileiras, a melhor colocada é a Universidade Estadual de Campinas (Unicamp), que ocupa o segundo lugar geral e pela primeira vez ultrapassou a Universidade de São Paulo (USP), classificada em terceiro lugar. A  Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) ocupa a sétima posição, enquanto que a Universidade Estadual Paulista (Unesp) ficou com o décimo lugar. 
“Outras escolas de ensino superior do Brasil também ficaram mais próximas do top 10, como a Universidade Federal de Minas Gerais, que passou do 14ª para o 11ª lugar, a Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro, da 15ª para a 13ª, e a Universidade Federal do Rio Grande do Sul, da 16ª para a 14ª posição”, afirmou Ben Sowter, diretor de pesquisa da QS. As instituições brasileiras dominaram, de modo geral, o levantamento, disse Sowter, com 83 das 385 universidades analisadas. 
A pesquisa da QS avalia o desempenho de cada instituição a partir de sete indicadores que incluem, entre outros, reputação acadêmica, reputação entre empregadores e citações em artigos acadêmicos.
Veja a lista completa das 10 melhores universidades da América Latina, a seguir: 
  1. Pontifícia Universidade Católica do Chile (UC)
  2. Universidade Estadual de Campinas (Unicamp)
  3. Universidade de São Paulo (USP)
  4. Universidade Nacional Autônoma do México (Unam)
  5. Instituto Tecnológico de Estudos Superiores de Monterrey
  6. Universidade do Chile
  7. Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ)
  8. Universidade dos Andes
  9. Universidade de Buenos Aires
  10. Universidade Estadual Paulista (Unesp)

terça-feira, 24 de outubro de 2017

Pencil!

Esse já foi meu sonho de consumo logo após ter escolhido a profissão de arquiteta. Hoje em dia não sonho mais, por não fazer mais parte da minha lista de necessidades!
https://www.etsy.com/pt/listing/199761434/handcrafted-mechanical-pencil-925-silver?source=aw&awc=6091_1508704864_8ef20e4c2d8558e5c7f654fbc1949198&utm_source=affiliate_window&utm_medium=affiliate&utm_campaign=uk_location_buyer&utm_content=252679
.

segunda-feira, 23 de outubro de 2017

domingo, 22 de outubro de 2017

NUNCA SE SINTAM CULPADAS.

Nem por roupa, nem por batom, nem por onde estava, nem pelo horário que estavam na rua, etc. A culpa NUNCA é da pessoa que sofreu abuso. Entendam. Internalizem. Nos curemos pouco a pouco, como dá, como é possível. E sejamos solidárias e atentas à todas as irmãs que nos rodeiam.
A violência (espero) que tenha terminado em mim: cada ano comemoro que minha filha não teve que passar por nada disso na infância. Que assim continue... 
Cada ano comemoro que meu filho de 15 sabe tratar bem as garotas ao seu redor, e influencia positivamente outros jovens. Que assim continue...

É o que tenho pra hoje. Posso mudar o passado? Não. Então, o que faço com o presente é oferecer meus caquinhos o melhor que posso e claro, jamais deixar que o medo seja maior que o instinto de sobrevivência.
Obs: Reforço que dispenso comentários com explicações "religiosas", "pseudo-filosóficas", ou qualquer crença limitante que dê a entender que de alguma maneira eu "atraí" isso desde a infância ok? Já basta ter que transmutar e transformar mais de 30 anos de pesadelos à noite em sorrisos durante o dia. Empatia, sempre se agradece
Arte em porcelana pela talentosa Hildemadame @hildemadame


sábado, 21 de outubro de 2017

ARQUITETANDO COM THELMA: REFORMA NA CASA PARA FICAR PERTO DO CÉU!

Maria dos Perdões, queres fazer uma mini reforma numa casa que tens em um sitio bem no meio do mato, para faze-la ficar perto do céu e do paraíso, nos fins de semana e nas férias. Verifique algumas fotos que coloquei, especialmente para você, espero que a paz que tanto desejas venha com a reforma, tenho apenas uma dica para lhe dar: procure também por essa paz dentro de você mesma!












sexta-feira, 20 de outubro de 2017

O que é bisotê?

A palavra bisel significa chanfradura ou corte obtuso. Bisotê ou biselado refere-se a um corte chanfrado nas extremidades do vidro, que em seguida recebe um polimento, devolvendo a textura e o brilho natural, por meio de máquinas especiais. Ou seja, é um tipo de acabamento, que se faz nas extremidades das mesas de vidro, dos aparadores, espelhos e etc.






quinta-feira, 19 de outubro de 2017

Laje Nervurada!

A laje nervurada é uma técnica conhecida e muito utilizada desde o período a.C., quando as estruturas horizontais reticuladas (semelhantes às lajes nervuradas) eram empregadas por serem mais rígidas com menos material.

A NBR 6118:2003 define lajes nervuradas como “lajes moldadas no local ou com nervuras pré-moldadas, cuja zona de tração é constituída por nervuras entre as quais pode ser colocado material inerte.”. Elas são, na verdade, nada mais do que um conjunto de vigas que se cruzam e que são solidarizadas por uma capa ou mesa de compressão.

Veja os detalhes em planta e vista:

E também um corte esquemático:

Em relação à laje maciça, a laje nervurada é mais econômica por eliminar o concreto desnecessário na região tracionada. Por ter mais altura que a maciça de mesma inércia, a laje nervurada reduz também a ferragem.

Há três tipos de lajes nervuradas: a laje moldada no local, laje com nervuras pré-moldadas e lajes nervuradas com capitéis e com vigas-faixa. Todas são feitas “in-loco”, ou seja, precisam de molduras e escoramento. 


Foi o avanço da arquitetura e engenharia que resultou nesse tipo de laje. Mas, por que? Você pode estar se perguntando. É simples. Com novas tecnologias construtivas e com o aumento da quantidade de pavimentos, de espaço e consequentemente do peso da obra, houve a necessidade de buscar alternativas.

Além do peso a mais, a utilização do concreto maciço aumentava muito o preço da obra e o tempo de execução. Com os moldes e os vãos criados pelas nervuras, foi possível reduzir o peso, o custo, aumentar o tempo e uma simplificação da armadura nos casos de concreto armado, tudo isso sem comprometer a estrutura.


Esse não comprometimento dá-se ao fato de que as nervuras atuam na parte de resistência à tração, e o concreto que era utilizado na zona neutra não compromete em nada, dando lugar aos vãos sem nenhum problema. Além de todos os benefícios ao se falar da própria obra, há também uma menor utilização do concreto, que como sabemos é um grande agravante na quantidade de CO2 liberado na atmosfera. A mão de obra também se torna mais barata e requer menos material de construção.


Os moldes para a composição da laje nervurada podem ser alugados e reutilizados várias vezes, apoiando-os com escoras de madeira com peso distribuído em tábuas para que não haja afundamento do solo e, depois da cura do concreto, é só utilizar um martelo para tirá-los com facilidade.

Fonte: Wikipedia, Estruturas de Concreto.