quinta-feira, 13 de agosto de 2009

OBRAS DO ARQUITETO RICARDO LEGORRETA

"Minha obra é inteiramente repleta de luz. Esses são os elementos físicos. Os outros são a emoção e o mistério. Arquitetura sem emoção não é arquitetura. Arquitetura não se define com palavras, transmite-se com emoções. Um espaço pode ser lindo, mas, se não ilumina o espírito, não é arquitetura. Eu adoro o mistério, não só na arquitetura, mas na vida. Gosto de descobrir. Ir a algum lugar sem saber o que vou fazer ou o que esperar daquele lugar. Não existe uma arquitetura genuína sem o mistério de descobrir os espaços pouco a pouco, de vê-los cada vez de uma maneira diferente."

As palavras acima são do arquiteto Ricardo Legorreta, 78 anos, e eu estava lendo seu livro "Ricardo Legorreta – Sonhos Construídos" (coleção Educação do Olhar; Be Editora), conferindo que nenhum outro grande arquiteto contemporâneo tem uma obra tão inconfundível quanto a dele, ninguém usa tanto a cultura de um povo como referência para criar. As cores vivas das casas dos pueblos, a grandiosidade das ruínas maias e astecas e a amplidão geográfica são constantes na obra desse arquiteto que define a própria profissão como sendo a de "fazedor de sonhos". Os elementos principais na obra de Legorreta são o muro e a parede, não só porque protegem, mas porque delimitam e definem o espaço; as proporções, no contraste dos grandes espaços com os pequenos espaços e a luz.
Duas influências em sua carreira vem de dois arquitetos modernistas mexicanos: José Villagrán, introdutor do modernismo na arquitetura mexicana, de quem ele foi sócio) e Luis Barragán, grande mestre da combinação de luz e espaço.
Confiram alguns trabalhos do arquiteto nas fotos abaixo:
CONJUNTO PLAZA JUAREZ - Situada no centro histórico da Cidade do México, o arquiteto Legorreta fez o monumental conjunto que inclui um parque atrás de um antigo convento, hoje Templo de Corpus Christi.

HOTEL CAMINO REAL - Primeira obra de relevo do arquiteto, ele foi pensado para ter pátios abertos com fontes e espelhos d'água ligando as amplas áreas públicas.

CASA DE RICARDO MONTALBÁNO - Casa em Los Angeles do ator, que faz questão de mostrar aos americanos os valores da cultura mexicana. Foi a obra que projetou Legorreta nos EUA.

CASA EM SANTA FÉ - Com muita luz natural e aberturas para integrar a casa ao meio ambiente são os traços marcantes nessa obra. A água é, como sempre, elemento indispensável.

CAMPUS DA UNIVERSIDADE DE SÃO FRANCISCO - Átrio do centro de convívio da universidade californiana tem o teto transparente, que deixa passar luz natural para formar um ambiente agradável bem no centro do campus. Dali são acessados os outros edifícios do conjunto universitário